A place where you need to follow for what happening in world cup

Quem foi Michael Faraday – Infográfico

0 76

Nosso mundo sempre esteve lotado de mentes brilhantes e geniais sendo elas do pop, da arte ou até mesmo da matemática, muitas mentes desse tipo nos ajudaram a prosseguir em frente, fazer novas descobertas e avançar nos marcos históricos da humanidade. Algumas dessas mentes conseguem marcos tão importantes que elas simplesmente precisam ser eternizadas em livros, em prol de manter toda descoberta intacta para serem aprimoradas nas próximas gerações.

E é por isso que é tão importante termos noção de quem são essas mentes para que assim possamos compreender melhor suas ideias, por elas em prática e quem sabe ser o próximo a alcançar novos avanços, e é por isso que hoje lidaremos sobre Michael Faraday, uma das pessoas mais geniais que contribuiu fortemente para nosso avanço.

Entendendo mais sobre Michael Faraday

Michael sempre foi uma pessoa bastante determinada e focada no que ele acreditava, e não é à toa que Michael é considerado um dos cientistas mais influentes de todos os tempos. MIchael Faraday nasceu na Newington Butts, Londres na Inglaterra no ano de 1791, ele era filho de um ferreiro e acabou recebendo poucas instruções escolares, abandonou as escolas com 13 anos e arranjou um emprego como entregador de jornais

Mas isso não segurou a determinação de Michael, com alguns contatos locais o livreiro local acabou contratando Michael como aprendiz de encadernador e lá morou na casa do patrão, podendo ler muitos livros nos momentos de folga, que contribuiu para que mais tarde Michael Faraday escrevesse sobre como aqueles conteúdos escritos serviram de porta para o garoto.

Em 1810 ele fez um breve curso de Filosofia Natural e nesse mesmo ano, foi convidado para assistir as conferências de Sir Humphry Davy que era na época um químico inglês e também presidente da Royal Institution, Michael teve uma vida simples e trabalhou muitas vezes com empregos normais, mas foi aos 20 que abandonou seu trabalho de encanador e tentou trabalhar em um laboratório científico escrevendo uma carta ao Sir Humphry junto ao seu caderno de notas.

Qual foi a importância de Michael Faraday e o que ele fazia?

Após ser informado que lá eles também realizavam experiências químicas e eletroquímicas ele assim começou a se empenhar na área, mais tarde chegando a trabalhar como ajudante de laboratório na Royal Institution e pouco tempo depois se tornou-se sucessor de Davy sendo agora diretor do laboratório, Humphry disse durante esse tempo que “A maior de minhas descobertas é Faraday”. Após isso e algumas viagens pela Europa enquanto fez diversas conferências e provações, Michael começou seu pico na carreira.

Assim então pôr volta de 1821 ele realizou experimentos com corrente elétrica após ser inspirado por um dos físicos dinamarqueses chamado Oersted, após ele revelar que a corrente poderia modificar a direção de uma agulha magnética Faraday descobriu com alguns experimentos que os magnetos podem exercer ação mecânica sobre os condutores percorridos pela corrente elétrica, e com essa descoberta Faraday criou o primeiro motor eletromagnético.

Após mais alguns experimentos importantíssimos para a nossa ciência como a liquefação do cloro, foi eleito para a Royal Society e deu uma série de conferências, realizou mais experiências sobre o eletromagnetismo em 1825 e descobriu também para nosso avanço a indução eletromagnética. Michael Faraday assim criou as primeiras leis da eletrólise ou Leis de Faraday após mais alguns experimentos em 1834, onde a primeira diz que “a massa de substância decomposta pela eletrólise é proporcional à quantidade de eletricidade que atravessa o eletrólito” e a segunda diz que “as massas de diferentes substâncias libertadas pela mesma quantidade de eletricidade são proporcionais aos respectivos equivalentes-grama”.

Quem foi Michael Faraday – Infográfico

Preparamos um pequeno infográfico que vai te ajudar a trazer melhor este tema para os seus alunos e tornar a aula mais interessante.

Quem foi Michael Faraday

Agora seus alunos podem revisar o conteúdo apresentado sobre a vida de um dos maiores nomes da humanidade de forma simples e tornar suas aulas mais eficientes do que nunca.

Conclusão final sobre Michael Faraday

Após muitos avanços importantíssimos para nossa história e também notáveis trabalhos e descobertas, denominando-se “faraday” a quantidade de eletricidade necessária para libertar um equivalente-grama de qualquer substância, o químico se casou com Sarah Bernard, não teve filhos e morou em uma asa ofertada pela rainha Vitória pelos serviços prestados a sua pátria

Sendo assim, Faraday deixou nosso mundo em 1861 quando faleceu na cidade de Hampton Court na Inglaterra, suas descobertas são apreciadas até hoje.

Os maiores nomes da humanidade!

Se você gostou de aprender um pouco mais sobre um dos maiores nomes de todos os tempos e quer saber mais sobre os maiores gênios da humanidade, fique atento ao Minhas Atividades e encontre todo o material de ensino para fazer suas aulas ainda melhores.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More